Falcão mulheres e o tráfico


Uma incursão pelo mundo do tráfico de drogas é o que faz o livro Falcão mulheres e o tráfico de Celso Athayde e Mv Bill. Cada lugar que os autores percorrem nos revela personagens que vivem submersas numa crosta de invisibilidade social. Mães, filhas, irmãs, amigas, esposas e namoradas de traficantes são as mulheres que compõem o retrato de um Brasil que quase ninguém vê. As ilustrações do Núcleo Feminino de Grafite da CUFA ajudam a obra a desempenhar esse papel.

A presença da figura feminina está envolvida em diversas facetas do tráfico de drogas. Muitas mulheres têm suas vidas ligadas ao universo do crime de maneira indireta, são as familiares de traficantes. Outras estão envolvidas na hierarquia deste comércio ilegal. Elas ocupam postos que vão desde a viciada que se prostitui para satisfazer o vício até a dona do morro, chefe de sua quadrilha.

Ao relatar como vivem essas mulheres o livro traz histórias irônicas, trágicas ou, simplesmente, reais. Entre tais passagens destaco duas: a da traficante que vende as drogas em sua própria casa como se fossem sacolés e a da chefe que comanda o morro com mãos de ferro e promove severos tribunais do tráfico.

A vida nos morros é descrita com o que ela tem de prosaico e de chocante. Os autores elaboram as narrativas com a proficiência de quem conhece a realidade que está abordando. O resultado é um relato pungente de vozes que precisam ser reverberadas para serem ouvidas.


ATHAYDE, Celso; BILL, MV. Falcão mulheres e o tráfico. Rio de Janeiro:Objetiva, 2007.

Imagem: Daniela Fonseca


btemplates

1 comentários:

Adriana Zancanaro disse...

Olá Dani. Tudo bem?
Estou seguindo seu blog e aproveito para convidar você e suas seguidoras a participarem do meu primeiro sorteio no blog. O sorteio é de um kit feminino da L'ESSENZE.
Ficarei muito feliz com a participação sua e de suas seguidoras.
Um ótimo final de semana.
BEijos
Adri
http://drizancanaro.blogspot.com/

Postar um comentário

 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...